Seguidores

sexta-feira, 25 de novembro de 2016

O MILAGRE ESTÁ EM SUA CASA - LIÇÃO 09 COM SUBSIDIOS


SUBSIDIO ELABORADO PELO EVANGELISTA: NATALINO ALVES DOS ANJOS. PROFESSOR NA E.B.D e PESQUISADOR. MEMBRO DA IGREJA ASSEMBLEIA DE DEUS MISSÃO - CAMPO DE COTEGIPE - BAHIA.

LIÇÕES BÍBLICAS CPAD -ADULTOS
4º Trimestre de 2016

Título: O Deus de toda provisão — Esperança e sabedoria divina para a Igreja em meio às crises
Comentarista: Elienai Cabral

Lição 9: O milagre está em sua casa
Data: 27 de Novembro de 2016



TEXTO ÁUREO

“Pois o SENHOR, vosso Deus, é o Deus dos deuses [...], que não faz acepção de pessoas, nem aceita recompensas; que faz justiça ao órfão e à viúva e ama o estrangeiro, dando-lhe pão e veste” (Dt 10.17,18).

VERDADE PRÁTICA

Em tempos de crises Deus realiza o impossível e o extraordinário.

LEITURA DIÁRIA

Segunda — 2Rs 2.8
Eliseu divide as águas do Jordão
Terça — 2Rs 4.1-7
Eliseu multiplica o azeite da viúva de um dos filhos dos profetas
Quarta — 2Rs 4.19-35
Eliseu ressuscita o filho de uma sunamita
Quinta — 2Rs 4.42-44
Eliseu multiplicou os pães para cem homens
Sexta — 2Rs 5.9-14
Eliseu indicou a cura da lepra de Naamã
 Sábado — 2Rs 6.6,7
Eliseu fez o machado flutuar

LEITURA BÍBLICA EM CLASSE

2 Reis 4.1-7.

1 — E uma mulher das mulheres dos filhos dos profetas, clamou a Eliseu dizendo: Meu marido, teu servo, morreu; e tu sabes que o teu servo temia ao SENHOR; e veio o credor a levar-me os meus dois filhos para serem servos.
2 — E Eliseu lhe disse: Que te hei de eu fazer? Declara-me que é o que tens em casa. E ela disse: Tua serva não tem nada em casa, senão uma botija de azeite.
3 — Então, disse ele: Vai, pede para ti vasos emprestados a todos os teus vizinhos, vasos vazios, não poucos.
4 — Então, entra, e fecha a porta sobre ti e sobre teus filhos, e deita o azeite em todos aqueles vasos, e põe à parte o que estiver cheio.
5 — Partiu, pois, dele e fechou a porta sobre si e sobre seus filhos; e eles lhe traziam os vasos, e ela os enchia.
6 — E sucedeu que, cheios que foram os vasos, disse a seu filho: Traze-me ainda um vaso. Porém ele lhe disse: Não há mais vaso nenhum. Então, o azeite parou.
7 — Então, veio ela e o fez saber ao homem de Deus; e disse ele: Vai, vende o azeite e paga a tua dívida; e tu e teus filhos vivei do resto.


HINOS SUGERIDOS

28, 58 e 262 da Harpa Cristã.


OBJETIVO GERAL

Ressaltar que em tempos de crise Deus opera o impossível.

OBJETIVOS ESPECÍFICOS



Abaixo, os objetivos específicos referem-se ao que o professor deve atingir em cada tópico. Por exemplo, o objetivo I refere-se ao tópico I com os seus respectivos subtópicos.

I. Apontar a crise financeira pela qual a viúva que procurou Eliseu passava;
II. Mostrar que Deus realiza milagres;
III. Enfatizar que Deus dá a provisão na medida certa.

sexta-feira, 18 de novembro de 2016

OS ANJOS, E O ANJO DO SENHOR



Jz 2.1 “E subiu o Anjo do SENHOR de Gilgal a Boquim e disse: Do Egito vos fiz subir, e vos trouxe à terra que a vossos pais tinha jurado, e disse: Nunca invalidarei o meu concerto convosco.”
A Bíblia menciona freqüentemente os anjos; o presente estudo provê uma noção geral do ensino bíblico a respeito dos anjos.
ANJOS. A palavra “anjo” (hb. malak; gr. angelos) significa “mensageiro”. Os anjos são mensageiros ou servidores celestiais de Deus (Hb 1.13,14), criados por Deus antes de existir a terra (Jó 38.4-7; Sl 148.2,5; Cl 1.16).

(1) A Bíblia fala em anjos bons e em anjos maus, embora ressalte que todos os anjos foram originalmente criados bons e santos (Gn 1.31). Tendo livre-arbítrio, numerosos anjos participaram da rebelião de Satanás (Ez 28.12-17; 2Pe 2.4; Jd 1.6; Ap 12.9; ver Mt 4.10 nota) e abandonaram o seu estado original de graça como servos de Deus, e assim perderam o direito à sua posição celestial.

(2) A Bíblia fala numa vasta hoste de anjos bons (1Rs 22.19; Sl 68.17; 148.2; Dn 7.9-10; Ap 5.11), embora os nomes de apenas dois sejam registrados nas Escrituras: Miguel (Dn 12.1; Jd 1.9; Ap 12.7) e Gabriel (Dn 9.21; Lc 1.19,26). Segundo parece, os anjos estão divididos em diferentes categorias: Miguel é chamado de arcanjo (lit.: “anjo principal”, Jd 9; 1 Ts 4.16); há serafins (Is 6.2), querubins (Ez 10.1-3), anjos com autoridade e domínio (Ef 3.10; Cl 1.16) e as miríades de espíritos ministradores angelicais (Hb 1.13,14; Ap 5.11).

(3) Como seres espirituais, os anjos bons louvam a Deus (Hb 1.6; Ap 5.11; 7.11), cumprem a sua vontade (Nm 22.22; Sl 103.20), vêem a sua face (Mt 18.10), estão em submissão a Cristo (1Pe 3.22), são superiores aos seres humanos (Hb 2.6,7) e habitam no céu (Mc 13.32; Gl 1.8). Não se casam (Mt 22.30), nunca morrerão (Lc 20.34-36) e não devem ser adorados (Cl 2.18; Ap 19.9,10). Podem aparecer em forma humana (geralmente como moços, sem asas, cf. Gn 18.2,16; 19.1; Hb 13.2).

quarta-feira, 16 de novembro de 2016

DEUS TRABALHA PELA FAMILIA - LIÇÃO 8 COM SUBSIDIOS

SUBSIDIO ELABORADO PELO EVANGELISTA: NATALINO ALVES DOS ANJOS. PROFESSOR NA E.B.D e PESQUISADOR. MEMBRO DA IGREJA ASSEMBLEIA DE DEUS MISSÃO - CAMPO DE COTEGIPE - BAHIA.

LIÇÕES BÍBLICAS CPAD - ADULTOS

4º Trimestre de 2016

Título: O Deus de toda provisão — Esperança e sabedoria divina para a Igreja em meio às crises
Comentarista: Elienai Cabral

Lição 8: Rute: Deus trabalha pela família
Data: 20 de Novembro de 2016



TEXTO ÁUREO

“[...] Bendito seja o SENHOR, que não deixou, hoje, de te dar remidor, e seja o seu nome afamado em Israel” (Rt 4.14).

VERDADE PRÁTICA

Deus abençoa o trabalho, a fé e a persistência da família que o serve.


LEITURA DIÁRIA

Segunda — Rt 1.1
A fome leva uma família a deixar Belém
Terça — Rt 1.3
Noemi enfrenta a morte em sua família
Quarta — Rt 1.6,7
O triste regresso de Noemi em meio à crise
Quinta — Rt 2.1,2
O trabalho de Rute em meio à crise
Sexta — Rt 2.8,9
Provisão divina e cuidado em meio à crise
Sábado — Rt 4.13
A bênção do casamento em meio à crise


LEITURA BÍBLICA EM CLASSE

Rute 1.1-14.

1 — E sucedeu que, nos dias em que os juízes julgavam, houve uma fome na terra; pelo que um homem de Belém de Judá saiu a peregrinar nos campos de Moabe, ele, e sua mulher, e seus dois filhos.
2 — E era o nome deste homem Elimeleque, e o nome de sua mulher, Noemi, e os nomes de seus dois filhos, Malom e Quiliom, efrateus, de Belém de Judá; e vieram aos campos de Moabe e ficaram ali.
3 — E morreu Elimeleque, marido de Noemi; e ficou ela com os seus dois filhos,
4 — os quais tomaram para si mulheres moabitas; e era o nome de uma Orfa, e o nome da outra, Rute; e ficaram ali quase dez anos.
5 — E morreram também ambos, Malom e Quiliom, ficando assim esta mulher desamparada dos seus dois filhos e de seu marido.
6 — Então, se levantou ela com as suas noras e voltou dos campos de Moabe, porquanto, na terra de Moabe, ouviu que o SENHOR tinha visitado o seu povo, dando-lhe pão.
7 — Pelo que saiu do lugar onde estivera, e as suas duas noras, com ela. E, indo elas caminhando, para voltarem para a terra de Judá,
8 — disse Noemi às suas duas noras: Ide, voltai cada uma à casa de sua mãe; e o SENHOR use convosco de benevolência, como vós usastes com os falecidos e comigo.
9 — O SENHOR vos dê que acheis descanso cada uma em casa de seu marido. E, beijando-as ela, levantaram a sua voz, e choraram,
10 — e disseram-lhe: Certamente, voltaremos contigo ao teu povo.
11 — Porém Noemi disse: Tornai, minhas filhas, por que iríeis comigo? Tenho eu ainda no meu ventre mais filhos, para que vos fossem por maridos?
12 — Tornai, filhas minhas, ide-vos embora, que já mui velha sou para ter marido; ainda quando eu dissesse: Tenho esperança, ou ainda que esta noite tivesse marido, e ainda tivesse filhos,
13 — esperá-los-íeis até que viessem a ser grandes? Deter-vos-íeis por eles, sem tomardes marido? Não, filhas minhas, que mais amargo é a mim do que a vós mesmas; porquanto a mão do SENHOR se descarregou contra mim.
14 — Então, levantaram a sua voz e tornaram a chorar; e Orfa beijou a sua sogra; porém Rute se apegou a ela.

HINOS SUGERIDOS

58, 83 e 400 da Harpa Cristã.

OBJETIVO GERAL

Ressaltar que Deus abençoa o trabalho, a fé e a persistência da família que o serve.

OBJETIVOS ESPECÍFICOS

Abaixo, os objetivos específicos referem-se ao que o professor deve atingir em cada tópico. Por exemplo, o objetivo I refere-se ao tópico I com os seus respectivos subtópicos.

I. Apontar a crise econômica pela qual Belém estava passando;
II. Mostrar como Noemi e Rute superaram as crises;
III. Enfatizar que a fé e o trabalho nos ajudam a superar as crises.


INTERAGINDO COM O PROFESSOR

A família de Elimeleque teve que deixar Belém devido a uma grave crise econômica. Era tempo de escassez. A crise era resultado da desobediência dos israelitas para com o Senhor no tempo dos juízes. Um tempo difícil, onde cada um fazia aquilo que parecia ser bom aos seus próprios olhos. A falta de temor e observância da lei trouxe sérios prejuízos espirituais e financeiros para Israel. A família de Elimeleque muda-se para Moabe na esperança de ter dias melhores. Mas, ali Elimeque morre e é enterrado. Seus dois filhos também vieram a falecer em Moabe. Noemi, a esposa de Elimeleque teve que enfrentar a perda do marido e dos filhos. Mas crises ainda piores estavam por vir. Todavia, Deus lhe concedeu um escape; uma nora que a amou e a acolheu em tempos de amargura. Noemi e Rute voltam para Belém, trabalham, mantém a fé em Deus e são grandemente abençoadas. Todos nós enfrentamos momentos de dor e aflição. Mas a nossa fé nos faz avançar, trabalhar e ver o impossível sendo realizado. Diante das adversidades, não desanime, não pare.

terça-feira, 20 de setembro de 2016

MISSÃO NO SERTÃO DA BAHIA

A IGREJA ASSEMBLEIA DE DEUS DE COTEGIPE - BAHIA, LEVA O EVANGELHO TAMBEM AO POVO SOFRIDO DO SERTÃO. GRAÇAS A DEUS A IGREJA ESTÁ ATENTA Á ORDEM DE JESUS, DE IR POR TODO O MUNDO. O SERTÃO TAMBEM É MUNDO E TEM GENTE NECESSITADA DE OUVIR FALAR DE JESUS. AVANTE... MISSÕES JÁ. JESUS ESTÁ VOLTANDO.


sexta-feira, 9 de setembro de 2016

ESBOÇOS BIBLICOS DE SERMAO

UMA SOLENE ADVERTÊNCIA
Ecl. 12:13, 14
I – "Tudo o que se tem ouvido".

l. Deus sempre fala boas palavras aos Seus filhos.
2. As Suas Palavras são vida. - Jo. 6:63.
3. A Sua Palavra é um farol que ilumina a senda que leva ao Céu. - I Ped. 1:21.

II – "O dever de todo o homem".
1. Temer a Deus.
a) Todos O devem temer. - V. 13; Sal. 33:8.
b) Temer é obedecer. - Núm. 6:2.
c) Ter o temor de Deus no coração é não oprimir também o próximo. - Lev. 26:17.
(1) Sem o Seu temor tudo é em vão. - Já 39:16.
(2) O Seu povo deve ouvir e temer. - Deut. 13:11.

2. Guardar os Seus mandamentos.
a) Dever de todo homem. - V. 13.
(1) Abraão os guardou. - Gên. 26:6.
(2) Davi observou a Lei de Deus. - I Reis 14:8.
b) Em todos os tempos o povo de Deus observou a Sua Lei.
c) Uma característica do povo do advento. - Apoc. 14:12.
d) Bênção e penalidade.
(1) Bem-aventurado o que neles tem prazer, - Sal. 112:1.
(2) Ele castiga os que os profanam. - Sal. 89:31, 32.


III – Uma solene advertência.
1. Tudo será trazido a juízo, quer seja bom, quer seja mau. Mat. 12:36.
2. Apelo: observemos a Palavra de Deus e guardemos os Seus mandamentos.

segunda-feira, 5 de setembro de 2016

NOSSO CHAMADO PARA DEUS

NOSSO CHAMADO.

DEUS NOS CHAMA PARA QUE SEJAMOS ADORADORES

A tarefa primordial da Igreja de Jesus Cristo é celebrar o Seu Nome, adorá-Lo, cultuá-Lo. Afirmou o Senhor Jesus Cristo em João 4.23,24: "Mas a hora vem, e agora é, em que os verdadeiros adoradores adorarão o Pai em espírito e em verdade; porque o Pai procura a tais que assim o adorem. Deus é Espírito, e é necessário que os que o adoram o adorem em espírito e em verdade". Tudo o mais é decorrente do culto.

Foi para cultuar e adorar a Deus que fomos trazidos à fé e à salvação. Deus nos convoca para a adoração. No entanto, em muitos casos, apenas nos divertimos. Fomos chamados para cultuar, mas fazemos na igreja paródia de teatro, de circo, de programa de auditório;
somos espectadores, quantas vezes, mas não cultuantes.

O objetivo da adoração é despertar a consciência da santidade de Deus. Um aspecto do culto é encontrado em Romanos 12.1: "Rogo-vos pois, irmãos, pela compaixão de Deus, que apresenteis os vossos corpos como um sacrifício vivo, santo e agradável a Deus, que é o vosso culto racional".

O verdadeiro culto, então, é medido pela transformação de quem cultua pelo fato de estar na presença de Deus. Mede-se por uma nova visão de Deus, por uma compreensão que torna a caminhada diária, a aventura do dia a dia mais profunda com Deus na nossa vida, com Cristo no nosso coração, com o Espírito Santo segurando a nossa mão. O verdadeiro culto incomoda a nossa vida e o modo como temos vivido. Que falta em nossos dias em relação a essa reverência e temor a Deus? O que anda acontecendo em muitas igrejas evangélicas é mais programa de auditório que profundidade na palavra.

Mas há quem prefira o raso de uma religião infantil à profundidade do culto racional, do culto em espírito e do culto em verdade. E deste modo, quando o crente está com a sua vida apagada e cheia de desobediência, e de rebeldia e de pecado, o louvor não sai

DEUS NOS CHAMA PARA QUE SEJAMOS INTERCESSORES

segunda-feira, 11 de julho de 2016

A.D. de COTEGIPE - BAHIA, EM FESTA

FESTA NA ASSEMBLEIA DE DEUS DE COTEGIPE - BENÇÃO PURA. FESTA DO CIRCULO DE ORAÇÃO. UMA MARAVILHA DOS CÉUS.